Critica: Uma Noite de Crime – A Fronteira

Uma Noite de Crime – A Fronteira” é o mais novo filme da franquia da Universal, que está explorando ao máximo mesmo os assuntos desse universo.

Uma Noite de Crime

A imigração sempre foi um assunto bem discutido na mídia. Porém, com os recentes acontecimentos, o filme casou um pouco com essa realidade. Aqui, o sonho de Trump de ver um muro entre os mexicanos é real, mas ainda há quem atravesse a fronteira. Começamos o filme acompanhando esse momento, de imigrantes atrás do “sonho americano”. Entretanto, logo somos levados as prévias do feriado que permite que crimes sejam feitos, sem consequências.

Em seu inicio, toda a saga parecia louca mas justificável com seu argumento. Mais tarde vimos que houve sabotagem para que ocorresse a violência que esperava. Porém agora, estabelecido, há quem aproveite e quem defenda os seus durante ele. Como uma pessoa que gosta um pouco dessa psicologia, abordar nesse filme a quebra do feriado foi ótimo. Afinal, parece estranho até que você faça pela primeira vez, depois se acostuma ou não quer mais parar.

Uma Noite de Crime

Assim, a terra onde procuravam esperança passa a se tornar o pesadelo, com crimes ocorrendo livremente pois a população não que deixar seu ódio ser extravasado apenas no feriado. Porém, o que ainda torna a franquia relevante está longe de ser o roteiro, atuações ou a história por traz dela, mas sim as reflexões que podemos fazer. Afinal, sejamos sinceros, já existem pessoas que desejam ter esse feriado! Não chegam a cometer tais crimes por conta das leis e afins, porém estão na internet e redes sociais destilando seu ódio.

Uma Noite de Crime – A Fronteira” traz outra abordagem, dessa vez focada mais no racismo e preconceitos. Além claro da reflexão de que tudo essa maluquice da tela, já existe!

Nossa nota
Nota dos leitores
[Total: 0 Average: 0]

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.