Crítica: Meu Namorado Fake

Meu Namorado Fake” é uma comédia romântica da Amazon Prime Vídeo que mostra quanto as aparências valem no mundo atual.

Meu Falso Namorado

Andrew está levando a vida. Trabalha como dublê e instrutor de autodefesa em uma academia e mora sozinho. Jake é seu melhor amigo, um designer passando por uma crise de identidade que namora Kelly. Nico é um frequente ex para Andrew que sempre acaba voltando e em seu décimo termino, Jake e Kelly colocam em ação um plano master para salvar o amigo. Assim nasce Cristiano Maradona, um namorado falso criado no computador para tornar Andrew interessante ao estar associado a uma visão de homem perfeito. Cristiano é bonito, ativista, filantropo, rico, viajado… tudo que se pode sonhar. Mas Andrew acaba conhecendo Rafi, se apaixona e percebe que Cristiano já cresceu tanto, que acabar com a mentira pode colocar muita coisa em risco, inclusive sua amizade com Jake.

É interessante ver que, por mais exagerado que seja o filme, ele não está longe de uma realidade. Ao começar a namorar Cristiano, e ter esse relacionamento perfeito publicado, Andrew começa a conquistar reconhecimento de pessoas que estiveram sempre com ele. Cristiano também se torna influencer, inclusive com patrocinadores, apenas por “existir” nas redes como uma pessoa hoje se comporta. Exibe sua vida feliz, as viagens a lugares paradisíacos e um relacionamento perfeito, que não existe.

Meu Falso Namorado

Também é sobre reconhecer nossos próprios méritos, esforços e quando o melhor é se afastar. O medo de ficar só é o que mais prende Andrew a Nico, mas é só quando começa a estar aberto para se apaixonar, é que nota Rafi e sente desde a jornada até a descoberta.

Meu Namorado Fake” te faz rir, mas também pensar como as aparências importam tanto, mais do que a realidade.

Nossa nota
Nota dos leitores
[Total: 0 Average: 0]

Frednunes

Fred, primeiro de meu nome, técnico em Gestão Pública, mestre pokémon, nerd, pós graduado em Comunicação, viciado em séries, duelista, MBA em Gestão de Pessoas, administrador, apresentador e dono do Futari.

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.